Agende uma consulta
  • captcha

Lombalgia

A coluna pode ser dividida em coluna cervical (pescoço), torácica (porção média da coluna) e lombar (porção final da coluna). Lombalgia significa dor na região lombar, sendo que as causas dessa dor podem ser as mais diversas possíveis.

Felizmente na maioria das vezes a lombalgia é de origem mecânica, ou seja, ela é causada por esforço, sobrecarga e desgaste das estruturas anatômicas da região. Tudo isso pode doer: músculos, ligamentos, discos, articulações etc. Existem situações que exigem maior atenção e que normalmente devem ser investigadas com exames de imagem (RX, ressonância etc) ou laboratoriais, além do bom exame físico. Essas situações são em geral: febre, perda de força nas pernas, emagrecimento, perda do controle dos esfíncteres, dor que não está melhorando com os remédios, com fisioterapia, RPG etc.

A lombalgia pode ou não ser acompanhada da dor ciática, que é aquela dor que “desce” pela perna. A principal causa de dor ciática é a hérnia de disco.

Normalmente os sintomas de dor melhoram de 6 a 8 semanas, sendo que frequentemente o tratamento inicial compreende uso de medicações, terapias físicas como fisioterapia e exercícios leves e moderados. A cirurgia é uma conduta de exceção que pode ser empregada na falha dos tratamentos não-cirúrgicos. No caso de uma indicação cirúrgica o médico pode avaliar o melhor tipo de tratamento para cada paciente levando em conta os diferentes problemas causadores da dor.