Agende uma consulta
  • captcha

Hérnia Inguinal

hernia inguinal
A hérnia inguinal é o abaulamento, acompanhado ou não de dor, que ocorre na região inguinal (virilha)

Causas

A hérnia inguinal é causada por uma fraqueza da parede abdominal (musculatura) e pode ser congênita(desde o nascimento) ou adquirida. É mais comum nos homens e está relacionada à fatores que aumentam a pressão abdominal como: sobrepeso e obesidade; tabagismo e tosse crônica; e esforço físico intenso e repetido.

Sintomas

O principal sintoma da hérnia inguinal é o abaulamento na região inguinal. Esse abaulamento que aparece na região é o conteúdo abdominal se exteriorizando pela fraqueza na parede abdominal(anel herniário). Podem fazer parte do conteúdo herniário a gordura intra-abdominal, alças intestinais e outras vísceras como a bexiga.

Em hérnias menores o sintoma pode ser somente dor ou desconforto geralmente relacionados com esforço físico.

hernia inguinal

Diagnóstico

O diagnóstico da hérnia inguinal é feito pelo médico durante o exame físico. Em casos em que há dúvida pode-se realizar um ultra-som da região inguinal.

Complicações

As principais complicações da hérnia inguinal são o encarceramento e o estrangulamento. No primeiro caso o conteúdo da hérnia fica “preso” e não é possível recolocá-lo dentro da cavidade abdominal. No segundo também há isquemia do intestino. Nesses casos é necessária uma cirurgia de emergência.

Tratamento

O tratamento da hérnia inguinal sintomática é sempre cirúrgico. A cirurgia pode ser realizada por método aberto ou laparoscópico.